Aos 80 anos, o estilista afirma não seguir tendências.

Com 52 anos dedicados à moda, Ralph Lauren confessa ao El País: “Eu odeio mesmo a moda” e salientou assim que, em vez de tendências, sempre preferiu seguir a própria voz. 

Ralph Lauren justifica pis as declarações polémicas dizendo que sempre apostou em “vestuário com narrativa, qualidade e longevidade”.

 “Sobrevivi 52 anos a fazer o que faço, não correu mal e parece que é hoje entendido muito melhor do que há décadas”, acrescenta. 

O designer é no entanto uma das maiores referências da indústria e o seu prestigio é devido; maioritariamente, ao icónico pólo e à aposta num guarda-roupa desportivo. 

Na entrevista entretanto ao periódico espanhol, Ralph Lauren recordou o inicio da carreira quando vendia gravatas e ainda se chamava Lifschitz. 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here