As principais tendências de moda encontram-se logo no momento em que se entra de loja em loja. O estilo padronizado de roupas repete-se de marca para marca, impulsiona indumentárias idênticas um pouco por todo o mundo. Mas a moda faz-se também de tendências mais pequenas, mais pontuais e pormenorizadas.

É o caso dos cintos caídos, uma nota de estilo que promete adaptar-se aos looks mais casuais e aos mais formais. Esta microtendência pede o uso de um cinto por cima de um casaco, blazer ou camisola, ficando a parte que sobra do mesmo tombada pelo comprimento do corpo, ao invés de dar a volta à cintura como tradicionalmente acontece.

Os colares de conchas serão também um dos apontamentos do ano que destaca a versatilidade desta peça de joalharia. E por falar em versatilidade, o tempo das fitas de cabelo parece ter regressado. Não, não iremos voltar a usar fitas com o nosso nome escrito e desenhado no topo, mas sim pedaços de pano mais largos que prometem tapar parte da cabeça e fazer sobressair os brincos mais ousados.

As calças em tons dourados – seja num estilo mais desportivo ou até mesmo empresarial – e os as peças de roupa em tons de roxo ou cor de laranja parecem querer também dar uma nova vida ao street style um pouco por todo o mundo, seja sob a forma de uma camisola de malha nada convencional ou num casaco de penas almofadado que ajuda a resistir aos dias frios de inverno.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here